Publicado em: 11/06/2018

VOCÊ SABE O QUE É A EROSÃO DENTÁRIA?

Sabrina Guerra
Cirurgiã Dentista CRO/20498
Rua Arthur Milani, 854, Sesc Frederico Westphalen
Consultório Odontológico, Rua do Comércio 1392, Taquaruçu do Sul

A erosão dentária é o desgaste do esmalte dos dentes provocado pelo contato excessivo com substâncias ácidas. Com o aumento do consumo de produtos industrializados, principalmente açúcar refinado, refrigerantes e sucos, que se transformam em ácidos, o número de pessoas que sofre com a erosão dentária tem aumentado cada vez mais.

Ainda assim, esse é apenas um dos tipos de erosão dentária. Esse desgaste causado por alimentos e líquidos ingeridos é chamado de erosão extrínseca. Mas também existe a erosão dentária intrínseca, quando o desgaste do esmalte é causado pelo ácido gástrico, que entra em contato com os dentes devido a problemas médicos e psicológicos, como refluxo gástrico, anorexia e bulimia.

Independentemente do tipo de erosão dentária, o grande problema é que o desgaste do esmalte deixa vulnerável a dentina, camada interna do dente. Ou seja, a erosão dentária torna os dentes mais susceptíveis a cáries, infecções e inflamações, assim como também causa um grande prejuízo para a estrutura bucal.

SINTOMAS

Os principais sintomas da erosão dentária estão diretamente ligados ao desgaste do esmalte dentário. Entre eles estão:

– Hipersensibilidade dentária

– Transparência nas pontas dos dentes

– Descoloração dos dentes

– Fissuras e rachaduras nos dentes

TRATAMENTO

O primeiro passo para tratar a erosão dentária é diminuir ao máximo a ingestão de substâncias ácidas no caso da erosão extrínseca e tratar também diretamente os problemas que possam ser responsáveis pela erosão intrínseca.

Procure seu dentista se tiver estes sintomas e não esqueça de fazer as consultas de rotina de seis em seis meses.