Publicado em: 14/10/2018

Quatro pessoas morrem em acidente na BR 158, em Boa Vista das Missões. Elas retornavam a Palmeira das Missões após um casamento

PRF

Quatro pessoas morreram num acidente de trânsito na manhã deste domingo, 14,na BR 158, em Boa Vista das Missões. Um veículo Jeep Renegade, com placas de Palmeira das Missões, colidiu contra uma árvore, após o motorista ter pedido o controle do veículo. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o carro seguia no sentido Boa Vista – Palmeira das Missões, quando teria saído da pista, chocando-se contra uma árvore. Havia cinco pessoas dentro no carro, sendo que quatro morreram no local: dois homens e duas mulheres.

Uma mulher, de 55 anos, foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e segue em atendimento hospitalar em Palmeira das Missões. Segundo a PRF, algumas das vítimas estavam sem o cinto de segurança no momento do acidente. Os bombeiros auxiliaram no atendimento. Os corpos dos outros ocupantes foram retirados assim que a perícia foi concluída. Não houve interdição da via. A PRF permaneceu no local e aguarda a retirada do veículo.

As quatro vítimas fatais do acidente na BR 158, em Boa Vista das Missões, eram da mesma família e estavam retornando de um casamento. Aulivia Pôncio Machado, 77 anos, João Alberi Machado, 53, Valderi da Silva Santos, 57, e Soray Santos Mattos, 42, haviam ido na celebração na cidade de Sagrada Família e voltavam para Palmeira das Missões, quando se acidentaram no km 87 da rodovia, por volta das 6h deste domingo.

No carro, também estava a professora estadual Ilga Machado, de 55 anos, que sobreviveu à colisão e está internada no hospital de Palmeira das Missões. Seu estado de saúde não foi informado.

A família estava em um Jeep Renegade, com placas de Palmeira das Missões, que colidiu contra uma árvore. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o carro seguia no sentido Boa Vista – Palmeira das Missões, quando teria saído da pista. Uma das vítimas teria sido projeto para fora do veículo após a colisão.

As causas do acidente ainda são desconhecidas e serão investigadas pela Polícia Civil.

CP.