Publicado em: 19/01/2020

Estado retoma alienação de imóveis nesta semana

A primeira concorrência de 2020 com o objetivo de alienar imóveis do EstadA primeira concorrência de 2020 com o objetivo de alienar imóveis do Estado que estão sem uma utilização definida será realizada pela subsecretaria Central de Licitações do Estado (Celic) na próxima terça-feira (21/1). Distribuídos na capital e em cidades do interior, os cinco lotes que integram a licitação somam uma avaliação mínima de R$ 1,55 milhão, cujas propostas serão conhecidas a partir das 10h. Como responsável pela administração do patrimônio do Estado, a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) registrou, ao longo de 2019, uma arrecadação de R$ 5,5 milhões por meio da venda de imóveis. Contabilizou ainda 15 doações e 63 cessões de uso.

Um terreno com mais de 761 metros quadrados, no município de São Pedro do Sul, tem a maior avaliação inicial: R$ 472 mil. Trata-se de uma área com benfeitorias em ruínas, localizada na esquina das ruas Expedicionário Almeida com Gerônimo Gomes. Os demais lotes que integram a concorrência estão situados em Nova Roma do Sul (área rural na Linha Nova Treviso), Porto Alegre (rua Dr. Gastão Rhodes, 312), Santa Maria (rua Dr. Victor Menna Barreto, 312) e Canguçu (rua Silveira Martins, 18).

Além da venda de imóveis, a Agenda Celic da próxima semana reúne 35 licitações. Destaque para o pregão eletrônico marcado para a segunda-feira (20/1) que prevê a compra de veículos para a Polícia Civil (automóveis modelo hacht e SUV). Estão programadas também concorrências para concessão dos serviços das estações rodoviárias das cidades de Bom Jesus, Nova Bassano e Minas do Leão.

A publicação da agenda é destinada aos interessados em participar das licitações e ampliar o nível de transparência sobre as compras e alienações do Estado junto aos profissionais de imprensa e à sociedade. Para mais informações sobre cada processo, acesse o site da Celic e informe o número do edital ou processo.

Confira aqui as licitações agendadas entre 20/1 e 24/1.